Depoimento alunos na Roménia DEPOIMENTOS ALUNOS ROMENIA

Depoimento de alunos da Roménia

medicina-romenia

Estudar Medicina na Universidade Ovidius, em Constanta, tem me proporcionado alguns dos melhores anos da minha vida! Se pudesse voltar atrás na minha vida universitária, ter-me-ia iniciado aqui logo desde o 1º ano. Considero-me uma priveligiada, pois oportunidades como viajar por toda a Europa, conhecer novas culturas e religiões, experimentar gastronomias tão diferentes e fazer amizades de todos os cantos do Mundo passaram a fazer parte do meu dia-a-dia. Também o facto de viver numa cidade onde fomos recebidos de braços abertos, uma cidade com praia, mar e sol... e por vezes tambem com neve, onde os preços são tão acessíveis. Uma cidade um pouco pobre, mas cheia de ofertas para nós que não somos de cá. As condições do ensino (ao contrário do que se possa pensar) são bastante boas. Salientando os pontos positivos temos um campus todo novo, propinas bastante acessíveis (se compararmos com outras Universidades espalhadas por toda a Europa), professores espectaculares e uma experiência médica a nivel prático acima da média. Estudar "fora" tem sido uma experiência muito enriquecedora não só a nível académico, mas tambem a nível pessoal. Já muito perto de terminar esta fase da minha vida, posso afirmar que ficam na memória os momentos bons e que as saudades já começam a apertar...

medicina-romenia-2

Estudar em Constanta.... O que se pode dizer....? O primeiro pensamento pode ser assustador - vir para a Roménia... Mas, foi das melhores decisões que eu já tomei! Contudo, o ensino é bom, as aulas práticas são bastante boas e são poucos os hospitais escola que premitem ter acesso aos pacientes e ás suas fichas a qualquer hora do dia como este. Basta ir ter com um médico, dizer que é estudante e que gostava de o acompanhar durante umas horas. Aliado a isto, as propinas são muito baratas assim como o custo de vida. Mas sem duvída que o melhor de tudo é viver numa cidade segura, com pessoas simpáticas, com praia e com temperaturas bastante similares ás de Portugal, com exceção aos meses de Janeiro, Fevereiro e Dezembro, em que facilmente as temperaturas descem aos negativos. Por isso venham, não se vão arrepender! Boa sorte! Ana Venâncio de Barros

medicina-romenia-1

Quem me falou em Constanta pela primeira vez foi o meu namorado "Estou a pensar ir para a Roménia", e a minha resposta foi, obviamente, "Roménia??? Nem pensar!!!" Tinha uma ideia pré-concebida bastante formulada, como, aliás, penso que a maioria das pessoas tem. Sentei-me ao computador a pesquisar o máximo possível sobre a universidade e sobre a cidade, e lá decidi arriscar. Ele foi primeiro, 6 meses depois eu já lá estava. A faculdade deixou-me uma óptima primeira impressão, o edifício era novo, com bom aspecto e conforme ia assistindo às primeiras aulas, todos os professores falavam inglês, bom inglês, foi muito surpreendente! Agora que já estou no 4º ano, continuo com a mesma opinião. Nunca tive um professor que não soubesse falar um inglês regular, ou que não me conseguisse explicar algo pela barreira da língua. Aprender a língua romena, o suficiente para comunicarmos com os doentes, foi muito fácil, não fazia ideia que o romeno era tão parecido com a nossa própria língua ou outra língua de origem latina (espanhol, francês, é sempre parecido!). O povo romeno recebe-nos sempre com carinho, não sabemos porquê, mas todos adoram Portugal (sim, incluindo os professores) e ficam sempre mais descontraídos e receptivos quando dizemos que somos portugueses, ou lêem o nosso nome pela primeira vez. Em quantos exames prácticos eu não perdi o nervosismo inicial, pela recepção dos professores à minha nacionalidade! Em relação à cidade, como mulher, tenho de referir que não me falta nada! Todas as lojas em que fazia compras em Portugal normalmente, existem cá! Os restaurantes são muitíssimo agradáveis e com um preço bem mais simpático do que em Portugal! Durante o Inverno temos a sorte de estar relativamente perto (4.30 horas de distância) das montanhas, por isso a viagem de snowboard com os amigos é indispensável! Mas, sem sombra de dúvida, Constanta revela a sua melhor face no verão. Não consigo descrever por palavras a sensação que é, depois das aulas, sair do hospital e ir para a praia aproveitar este sol maravilhoso (27-36°C) e nadar nas águas do Mar Negro, que normalmente estão pelos 27° C. Não consigo contar as tardes que já passámos em jogos de vólei de praia, com intervalo para uma bebida fresquinha, nos inúmeros barzinhos que existem ao longo dos imensos kilómetros de areal. Como já referi, indescritível. A nível de alimentação, temos a maioria do que há em Portugal, com excepção do típico bacalhau/caldo verde/bolacha maria, temos acesso a peixe fresco (douradas, salmão, robalo...), legumes e frutas; temos dois hipermercados próximos de nós (Carrefour e Auchan/Jumbo) e mais alguns um pouco mais afastados (máximo 10km). Temos um grupo de portugueses muito unido, somos pouquinhos (12!), sendo que a maioria veio de transferência de Brno (sendo eu e outra aluna portuguesa que terminou o curso este ano, as excepções). Fazemos muitas jantaradas e entreajudamo-nos com tudo o que podemos, é tudo boa gente! Ainda não recebemos em Constanta alunos portugueses para o primeiro ano, não fazemos ideia porquê, mas desde já aconselho vivamente!! Será por falta de publicidade à faculdade...? Essa foi a principal razão pela qual aceitei prontamente em deixar aqui o meu testemunho. Sou muito feliz em Constanta e não trocava a minha vida aqui por mais nada! Margarida Gomes

medicina-romenia-3

Estudar medicina em Constanta, tem sido uma surpresa muito agradável. Vir para a Roménia estudar no princípio não foi uma escolha fácil, era um país desconhecido. Tive uma grande surpresa (pela positiva) desde o momento que aterrei em Bucareste, as pessoas são sempre muito prestáveis, sempre prontas a ajudar. A Roménia ainda é um país pouco desenvolvido ao nível de infra-estruturas, auto-estradas e caminhos-de-ferro. Mas fora isso, temos tudo aqui, desde lojas, hipermercados, restaurantes, fast-food, centros comerciais. Constanta não é uma cidade com muita história, não tem grandes monumentos, mas tem um dos maiores portos marítimos da Europa. A cidade é muito agradável, especialmente no verão onde existem praias, um grande parque da cidade muito agradável para os amantes de uma boa corrida, um passeio de bicicleta (que se pode alugar no verão), ou simplesmente para passear ou namorar, tem um lago muito bonito e grande no parque, onde também se pode fazer alguns desportos, tal como remo.

medicina-romenia-4

Estudar na Universidade Ovidius Constanta, bem... para surpresa minha à chegada à universidade deparei-me com um edifício novo (com um ano em 2009), salas modernas e com todo o equipamento necessário para uma boa aprendizagem. Todos os professores com um bom nível de inglês, e sempre prontos a esclarecer qualquer dúvida posta. A nível hospitalar, temos muita facilidade na interacção com o paciente, e os professores por vezes deixam-nos fazer certos procedimentos clínicos, penso que vamos sair daqui bem preparados para enfrentar as mais diversas patologias. Gosto muito de estudar e viver na Roménia, recomento a 100%.

O site www.CursodeMedicina.com criado por Bernardo Pessoa para ajudar todos os colegas e futuros médicos